Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

Sisejufe no Fórum Social Mundial: mesa 3 vai debater a despatriarcalização da Justiça

Conversa virtual será transmitida ao vivo no dia 24 de março, às 18h

Sisejufe no Fórum Social Mundial: mesa 3 vai debater a despatriarcalização da Justiça, SISEJUFE

O Sisejufe divulga, nesta sexta (11/2), os detalhes da terceira mesa organizada pela assessoria política do sindicato. O debate virtual acontecerá no dia 24 de marco, às 18h, com o tema “Despatriarcalização da Justiça”.

As participantes são: Anny Figueiredo (diretora do Sisejufe-RJ e Marcha Mundial das Mulheres), Andrea Ferreira (diretora do Sindijus-PR), Luciana Krumenauaer (diretora do Sintrajufe-RS), Alessandra Andrade (diretora do Sintrajufe-RS e membra do coletivo Voz Materna), Sofia Cavedon (deputada estadual do Rio Grande do Sul), Paola Bettamio (professora de direito da Estácio, doutoranda em Direito pela UFRJ e militante da Marcha Mundial das Mulheres) e Ana Paula Cusinato (diretora de Comunicação da CUT-DF e Marcha Mundial das Mulheres).

A mediação será feita por Ana Priscila Alves, da Marcha Mundial de Mulheres.

“A gente parte do princípio de que o Poder Judiciário e a Justiça como um todo são patriarcais, tendem a prejudicar mulheres, tanto no serviço público como nas suas deliberações, mas a gente também visualiza que existe uma maioria de mulheres servidoras no Judiciário, embora muitas não alcancem os cargos de direção. Essas mulheres, que estão na maioria do serviço público, e também a parte dos movimentos da sociedade, acabam por pressionar para tentar mudar essa realidade”, aponta a mediadora Ana Priscila.

A coordenadora do Departamento de Mulheres do Sisejufe, Anny Figueiredo, completa: “a ideia é a gente debater qual tem sido o papel dessas mulheres para despatriarcalizar esse sistema judiciário. Para isso, vamos abordar mais profundamente o debate do corpo, maternidade, violência, o encarceramento e o trabalho”, informa a dirigente sindical.

Conheça os temas e convidados das outras mesas:

05/04 – 18h

Mesa 4 – Projeto 1º Acesso à Justiça e Quilombo do Sopapo. Trabalhadores produzindo políticas públicas. As experiências do Sisejufe e do Sintrajufe RS

Participantes: Eunice Barbosa (presidenta do Sisejufe-RJ), Lucas Ferreira Costa (diretor do Sisejufe-RJ), Anna Carolina Pedra (advogada voluntária do Programa 1º Acesso à Justiça para População de Rua) e Leandro Anton (Quilombo do Sopapo).
Mediação: Ana Paula Rios (presidente do Instituto LAR)

 

07/04 – 19h

Mesa 5 – Justiça Eleitoral e Democracia Brasileira: As Instituições estão em risco

Participantes: Fernanda Lauria (servidora da Justiça Eleitoral e secretária-geral do Sisejufe-RJ), Lucas Costa (diretor do Sisejufe-RJ) e Edson Borowski (diretor do Sintrajufe-RS).

Mediação: Pietro Valério (diretor do Sisejufe-RJ)

 

12/04 – 18h

Mesa 6: Ressignificando a atuação sindical na pandemia. Mudanças de abordagem, plataformas e comunicação.

Participantes: Alexandre Marques (assessor parlamentar do Sindiquinze), Tais Faccioli (jornalista e editora-chefe da Comunicação Sisejufe-RJ), Vera Miranda (Assessora Política do Sisejufe-RJ), Luciano Beregeno (Jornalista e editor-chefe da comunicação Fenajufe), Fabrício Loguercio (CTB).

Mediação: Ana Priscila Alves (Sisejufe-RJ)

Últimas Notícias