Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

No dia nacional de luta, servidores fazem “visita” a casa de Arthur Lira e pressão na Câmara

Mesmo com o fim de ano se aproximando, categoria mantém vigília contra a PEC 32.

No dia nacional de luta, servidores fazem “visita” a casa de Arthur Lira e pressão na Câmara, SISEJUFE

No dia D contra a Reforma Administrativa de Bolsonaro/Guedes, centenas de servidoras e servidores, representando diversas categorias do funcionalismo federal, estadual e municipal, realizaram um ato em frente à casa oficial do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL).

Os participantes da atividade dessa quarta-feira (08) usaram máscaras com o rosto do deputado e espalharam dinheiro falso na calçada do parlamentar, como forma de denúncia da compra de votos promovida pelo governo Bolsonaro através do mecanismo que ficou conhecido como emenda do relator, que, na verdade, é a personificação do próprio Congresso. Os manifestantes usaram a imagem de um trator gigante ilustrando as manobras usadas por Lira na condução dos projetos de interesse do governo Bolsonaro.

No dia nacional de luta, servidores fazem “visita” a casa de Arthur Lira e pressão na Câmara, SISEJUFE
O presidente do Sintrajuf-PE, Gerson Bezerra Souza, a diretora do Sisejufe Fernanda Lauria e o coordenador da Fenajufe Edson Borowski participam do ato na porta da casa de Lira

O deputado federal Paulo Teixeira (PT/SP) resumiu o recado dos presentes para Lira, Bolsonaro, Paulo Guedes e todos que ainda defendem a emenda. “Essa PEC favorece a elite do serviço público em detrimento de quem está na ponta, na Saúde, no SUS, na Educação, dentro da sala de aula. Essa PEC só tem um lugar adequado: é no lixo. E lá que temos que jogá-la”.

Sisejufe atuou junto aos parlamentares na luta contra a PEC 32

Ao longo dos últimos meses, o Sisejufe esteve presente em todas as ações de mobilização que foram responsáveis pelo recuo do governo em dar andamento na tramitação da PEC 32 no Plenário da Câmara. Nesse período, muitos deputados foram convencidos de que votar a favor da PEC significaria abraçar um projeto impopular que traria prejuízos enormes à qualidade dos serviços prestados à população brasileira.

No dia nacional de luta, servidores fazem “visita” a casa de Arthur Lira e pressão na Câmara, SISEJUFE
Representantes do Sisejufe e da Fenajufe em atividade da vigília contra a PEC 32

A atuação da direção do sindicato, da Fenajufe e das demais entidades nesse processo tem garantido a derrota do governo na intenção de mexer nas carreiras, pôr fim à estabilidade, aos concursos e à própria noção de público e autonomia do servidor frente aos governos.

As mobilizações contra a PEC 32 continuam até o último dia do expediente legislativo, previsto para 23 de dezembro.

As representantes do Sisejufe presentes na manifestação ainda conversaram com o deputado Paulo Teixeira sobre o Projeto de Lei 3662/21, que transforma os cargos vagos de técnicos do Judiciário do Distrito Federal em analistas. O Sisejufe tem acompanhado os desdobramentos deste projeto que, caso aprovado, pode se tornar um balão de ensaio para a reforma administrativa no âmbito do judiciário federal nos estados. As sindicalistas pediram o arquivamento da proposta.

Manuella Soares, jornalista, especial para o Sisejufe.

Últimas Notícias