Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

Consciência negra: Fenajufe orienta participação nas atividades organizadas pelo Movimento negro contra o racismo

Consciência negra: Fenajufe orienta participação nas atividades organizadas pelo Movimento negro contra o racismo, SISEJUFE

Para reforçar a luta contra o racismo e suas consequências, entidades representativas do movimento negro organizam atividades alusivas ao mês da consciência negra em todo País. O chamamento principal é para lotar as ruas no dia 20 de novembro, data em que a morte do maior ativista negro do Brasil é relembrada.

O dia 20 de novembro é aniversário da morte de Zumbi, líder negro do maior quilombo brasileiro. Zumbi morreu degolado defendendo os direitos da comunidade e do povo quilombola, sem se curvar à escravidão. Em homenagem à sua luta e resistência, a data é celebrada no Brasil como o “Dia da Consciência Negra”.

Na defesa de uma sociedade justa e igualitária sem qualquer forma de discriminação e preconceito, a Fenajufe considera as ações de extrema relevância e nesse sentido encaminhou ofício aos sindicatos de base orientando participação  nas mobilizações programadas em todos os estados.

Mais do que relembrar fato histórico, o dia 20 de novembro tem um papel reflexivo na  sociedade. Até os dias atuais, negras e negros não tem os mesmos direitos do que os brancos e por mais que se tenha ações afirmativas para a população, a desigualdade racial ainda impera no país.

Após 4 anos de um governo que muito contribuiu para acentuar o racismo, além das desigualdades sociais, do machismo, da homofobia e xenofobia, a vitória de Luís Inácio Lula da Silva trouxe novo vigor para a luta de todos os segmentos por respeito, igualdade de direitos e a necessidade de extirpar o racismo do Brasil.

Frentes e demais entidades organizativas das atividades reforçam a importância da participação massiva nos atos e mobilizações espalhados pelo País, pois, embora a luta contra o racismo tem o protagonismo das lideranças e organizações negras, é uma luta de toda militância antirracista,movimentos sociais e partidos que defendem a democracia e a justiça social.

Todos os anos, o movimento negro brasileiro constrói um novembro negro de lutas, com mobilizações e diversos tipos de ações de luta  para ocupar as ruas no dia 20 por isso é fundamental o posicionamento, o engajamento e a mobilização de todas e todos por um Brasil sem racismo.

As Frentes Nacionais “Povo Sem Medo” e “Brasil Popular” orientam as entidades comunicarem a realização dos atos e atividades em seu estado pelo link do Form: https://forms.gle/BWEcAAUzWtxrvC1v5

Outra orientação é que se grave vídeos convidando as pessoas para irem aos atos. Poste com a tag #DiaNacionalDaConsciênciaNegra.

Os atos e mobilizações pedem também comida no prato, trabalho e salário dignos, de qualidade, moradia, educação, saúde, respeito e valorização da cultura e do povo negro.

#Lutar nas ruas e nas redes por um Brasil Com Democracia e Sem Racismo

Fonte: Fenajufe

Últimas Notícias