SINDICATO DOS SERVIDORES DAS JUSTIÇAS FEDERAIS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
REDES SOCIAIS
YouTube

QUINTOS – Sessão extraordinária do STF da manhã de ontem não apreciou Embargos. Hoje tem mais…

A ausência dos ministros Celso de Mello e Luiz Fux implicou em falta de quórum para a apreciação de algumas ações que estavam na pauta, o que as fez ser remetidas para a sessão da tarde: uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) e um Recurso Extraordinário (RE), além da pauta já publicada.

A entrada ou não das listas é uma incógnita, novamente. A assessoria do ministro Ricardo Lewandowski informou que o plenário estará completo, com a presença de Celso Mello e Luiz Fux, à tarde e que há grande possibilidade dos Quintos serem apreciados. Tal informação foi reforçada pela Secretaria da Mesa, assim, segundo Soraia Marca, do Sisejufe, nesta tarde é grande a possibilidade de que sejam julgados os embargos.

Na sessão da tarde, nada…

Assessorias jurídica e parlamentar acompanharam os dirigentes do Sisejufe

Assessorias jurídica e parlamentar acompanharam os dirigentes do Sisejufe

A sessão iniciou sem a presença dos ministros Gilmar Mendes e Dias Toffoli. Ao final do dia, terminada a sessão, a questão dos Quintos não foi definida, ficando para esta quinta-feira, a decisão ou não. Estiveram presentes na sessão de ontem a procuradora-geral da República Raquel Dodge e o advogado da Anajustra, patrono do processo, Johann Homonnai Júnior.

O processo dos Quintos foi pautado para hoje, juntamente com um processo envolvendo  demarcação de terras quilombolas e indígenas.

Soraia Marca e Lucena Pacheco, dirigentes do sindicato, continuam em Brasília acompanhando, no STF, a evolução do caso e passarão toda e qualquer atualização das informações.

Compartilhe