Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

Unimed publica guia com dicas para facilitar as teleconsultas

Serviço de telemedicina, lançado em maio, está disponível para sindicalizados através de aplicativo

Unimed publica guia com dicas para facilitar as teleconsultas, SISEJUFE

A Unimed Rio criou um guia com seis dicas para orientar os clientes na hora de usar o sistema de consultas por vídeos. O serviço de telemedicina, que funciona por meio do aplicativo Conexa Saúde, foi lançado pela operadora em maio e está disponível para os sindicalizados do Sisejufe.

As dicas têm por objetivo permitir que o usuário aproveite a consulta da melhor forma, sem imprevistos. A primeira orientação explica como localizar um médico específico. A outra dica sugere que a pessoa evite múltiplos agendamentos. No caso de o paciente precisar ouvir opinião de um segundo profissional, a recomendação é marcar somente após realizada a primeira consulta.

A Unimed também orienta com relação ao espaço onde o paciente vai estar na hora da consulta, que deve ser silencioso e ter boa claridade. É importante verificar o sinal da internet para evitar que a comunicação seja interrompida. O paciente precisa, ainda, se organizar para estar pronto no horário marcado a fim de evitar contratempos.

Outra recomendação é estar exclusivamente dedicado à conversa com o médico, evitando fazer atividades paralelas durante a consulta. Por fim, a equipe orienta que as pessoas lembrem de desmarcar o horário caso tenham algum imprevisto. Isso é importante para que a agenda do médico seja liberada para o encaixe de outros clientes.

Confira abaixo todas as recomendações

Unimed publica guia com dicas para facilitar as teleconsultas, SISEJUFE
Unimed publica guia com dicas para facilitar as teleconsultas, SISEJUFE
Unimed publica guia com dicas para facilitar as teleconsultas, SISEJUFE

Em caso de dúvidas, acesse os canais de atendimento ao cliente:

(21) 4020-3861 (capitais e regiões metropolitanas)

0800 031 3861 (demais localidades e interior)

0800 286 0234 (deficientes auditivo e de fala)

(21) 3861-3881 (ouvidoria)

Saiba mais:

O que é e como funciona a telemedicina?

A modalidade é usada para atendimento pré-clínico, de suporte assistencial, de consulta, monitoramento e diagnóstico no Sistema Único de Saúde (SUS) ou na rede privada. O atendimento médico à distância pode ser feito diretamente entre médicos e pacientes, por meio de tecnologia da informação e comunicação que garanta a integridade, segurança e o sigilo de informações. Toda a consulta deve ser, obrigatoriamente, registrada em prontuário clínico com indicação de data, hora, tecnologia utilizada e o número do Conselho Regional Profissional do médico e sua unidade da federação.

Os médicos estão autorizados a emitir atestados ou receitas médicas desde que assinados eletronicamente e acompanhados de informações sobre o profissional. Também devem seguir os requisitos estabelecidos pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa).

As seguintes modalidades estão disponíveis na telemedicina: 1) teleorientação, para que médicos possam à distância orientar e encaminhar pacientes em isolamento;

2) telemonitoramento, situação em que o médico monitora à distância parâmetros de saúde do paciente 3) teleinterconsulta, para troca de informações e opiniões entre médicos, para auxílio diagnóstico ou terapêutico.

Últimas Notícias