Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

Prestação de contas do Sisejufe é aprovada por unanimidade

Em assembleia realizada de forma virtual, na noite desta quarta-feira (23/03), foram aprovados, ainda, a Previsão Orçamentária e o Planejamento Estratégico para 2022

Prestação de contas do Sisejufe é aprovada por unanimidade, SISEJUFE

As servidoras e os servidores do Judiciário Federal no Rio de Janeiro, filiados ao Sisejufe, aprovaram, em assembleia ordinária, nesta quarta-feira (23/03), de forma unânime, o parecer das contas do sindicato de 2021. Também foi apreciada e aprovada a proposta de orçamento para o ano de 2022. A reunião, realizada pela plataforma Zoom, contou com a participação de mais de 100 sindicalizados.

A presidenta do Sisejufe, Eunice Barbosa, abriu a assembleia com a leitura do edital de convocação. Em seguida, apresentou a mesa virtual, composta pelo diretor financeiro, Valter Nogueira Alves; pela diretora administrativa, Lucena Pacheco; a presidenta do Conselho Fiscal, Bethe Fontes; e a equipe do financeiro. Eunice explicou, então, a dinâmica da reunião, dividida em duas partes: apresentação dos dados de 2021 e, posteriormente, detalhamento das projeções para 2022.

O diretor Valter destacou que esse é um momento importante para o sindicato. “Não é uma assembleia de reivindicação, mas sim de discutir os rumos das nossas finanças. Nós somos um dos únicos sindicatos que fazem esse debate com a categoria, que propõe o orçamento discutido antecipadamente, analisando as necessidades e prioridades para o ano. A maior parte dos recursos está colocada nas lutas da categoria, nas nossas campanhas pela recomposição salarial, pelo plano de carreira, NS e todas as questões que estão na ordem do dia da categoria”, disse.

Contas de 2021

A diretora Lucena Pacheco explicou a execução orçamentária do ano passado. “A gente traz as receitas e as despesas que realizou no ano de 2021. Ainda em função de um cenário pandêmico, houve uma execução orçamentária um pouco menor dos departamentos, núcleos e coletivos, mas isso não quer dizer que eles não atuaram. Na verdade, eles se reinventaram nesse mundo virtual para poder trabalhar até mais do que a gente imaginava e com a participação ampliada. Esse formato possibilitou a interação com mais colegas do interior”, disse.

A diretora informou que somente dois departamentos ultrapassaram um pouco o orçamento – Saúde e DAP –, mas em função desse aumento de trabalho. Lucena explicou que a Saúde fez uma campanha muito efetiva de distribuição de kits contendo folheto de orientação, máscara e álcool gel para trabalhadores convocados ao presencial no auge da pandemia e o DAP inovou com atividades como meditação e aulas de informática totalmente virtuais, que ajudaram os aposentados neste período de isolamento.

A dirigente sindical mencionou a aquisição da Casa do Alto, equipamento para receber servidoras e servidores em deslocamento para o Rio de Janeiro. “Isso significou um acréscimo super importante no patrimônio da categoria. Todas as aquisições que o sindicato faz pertencem a vocês”, destacou.

Os números

João Matheus, funcionário do Departamento Financeiro, apresentou um resumo da movimentação financeira do ano.

“Além das lutas da categoria, eu lembro os benefícios que o sindicato oferece a cada servidor e servidora, como o jurídico, planos de saúde e odontológico, sede campestre, convênios com escolas, universidades, aulas de coral, teatro, percussão e, em breve, chegará o Gympass”, afirmou o gestor.

Eunice e Valter detalharam como irá funcionar o Gympass, uma plataforma de atividade física com foco na qualidade de vida, saúde e bem-estar que dá acesso a milhares de academias, estúdios e aulas ao vivo com apenas uma única mensalidade. “Esse sistema começou há alguns anos no Brasil e já se espalhou por alguns países. Ao aderir, você paga, em média, 50% do que pagaria numa academia. Tem vários planos e você vai sempre pagar um valor inferior com o Gympass, podendo usar várias academias. A gente tinha muita demanda nesse sentido”, disse Valter.

“Estamos ansiosos para fazer essa entrega a vocês. No lançamento, dia 1º de abril, vamos contar todos os detalhes e esclarecer as dúvidas. Acompanhem no site e nas nossas redes”, completou Eunice.

A presidenta do sindicato informou também que, além desse e de outros serviços já disponíveis, o sindicato está trabalhando para entregar à categoria até o fim do ano o auxílio funeral. “Também é uma demanda que os colegas têm apresentado. A gente entende que é um momento difícil para os familiares e esse suporte ajuda muito”.

Receita e bens

João explicou detalhes das finanças, esclarecendo as fontes de receita: mensalidade, repasse do plano de saúde e hospedagem na sede campestre, por exemplo. Entre os investimentos, o de maior impacto foi a aquisição da Casa do Alto. “São bens adquiridos para o funcionamento do sindicato e para benefício e uso dos sindicalizados e sindicalizadas”, acrescentou, mostrando também as despesas com pessoal, departamentos, coletivos, núcleos, administrativo e atividades sindicais.

Parecer fiscal

A presidenta do Conselho Fiscal, Bethe Fontes, leu o parecer relativo à prestação de contas do período de janeiro a dezembro de 2021 e informou que os conselheiros recomendaram pela aprovação das contas. “A gente fez uma análise do balancete contábil e constatamos que foi apresentada toda a documentação que a gente selecionou por amostragem. Foi verificado que todos os registros estão dentro da validade, têm suporte documental e foram contabilizados corretamente”, revelou Bethe.

Logo após, os sindicalizados votaram, por meio de enquete eletrônica, e o parecer foi aprovado por ampla maioria: 104 votos a favor (97%), nenhum contra e 3 abstenções (3%).

Prestação de contas do Sisejufe é aprovada por unanimidade, SISEJUFE

Orçamento de 2022

Depois de aprovadas as contas, o diretor financeiro, Valter Nogueira, apresentou o planejamento estratégico elaborado para o exercício de 2022 e destacou que a maior parte do investimento está destinada, mais uma vez, à luta da categoria. O dirigente sindical explicou que o orçamento aumentou um pouco porque a nova administradora do plano de saúde, a Supermed, fez um repasse maior que a anterior (Unimed). Ainda assim, Valter apresentou a necessidade de um pequeno aumento na contribuição sindical.

“O aumento se faz necessário porque ao longo desses anos a gente teve um custo muito elevado nas nossas despesas, como reajuste salarial dos funcionários, reajuste da energia elétrica, reajuste dos condomínios, aquisição da Casa do Alto e ampliação da sede campestre. Tudo isso acabou nos levando a ter necessidade de aumentar um pouco o valor da mensalidade”, contou.

Ele esclareceu que um analista em fim de carreira vai aumentar sua contribuição sindical em R$7,79 e o menor valor, do técnico em início de carreira, será de R$3,16. “É um aumento bem pequeno, simbólico, mas necessário para que o sindicato dê conta de realizar todas as atividades sindicais, continuar defendendo a categoria, prestar os serviços e enfrentar as lutas que a gente tem que fazer ao longo deste ano”, pontuou.

Feita a apresentação, Eunice Barbosa abriu a votação sobre a proposta de orçamento, que foi aprovada com 95 votos a favor (89%), 10 contra (9%) e 2 abstenções (2%).

Prestação de contas do Sisejufe é aprovada por unanimidade, SISEJUFE

“Agradeço o engajamento dos colegas que mobilizaram outros colegas a participar, vindo fortalecer o trabalho da sua entidade sindical”, concluiu.

Últimas Notícias