Alto contraste Modo escuro A+ Aumentar fonte Aa Fonte original A- Diminuir fonte Linha guia Redefinir
Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no estado do Rio de Janeiro - Telefone: (21) 2215-2443

Caso PEC 32 passe pela Câmara, é possível reverter no Senado, diz parlamentar

Caso PEC 32 passe pela Câmara, é possível reverter no Senado, diz parlamentar, SISEJUFE

Em conversa com as diretoras do Sisejufe, Fernanda Lauria e Mariana Petersen, nessa quinta-feira (30/09), em Brasília, Paulo Rocha, líder do PT no Senado, apresentou um bom panorama para a derrubada da Proposta de Emenda Constitucional 32/2020 no Congresso. Segundo o parlamentar, caso passe pela Câmara, o que ainda é uma incerteza, a reforma administrativa é totalmente passível de ser derrubada no Senado. Isso porque a correlação de forças nas duas casas é diferente.

Caso PEC 32 passe pela Câmara, é possível reverter no Senado, diz parlamentar, SISEJUFE
Fernanda Lauria, Senador Paulo Rocha (PT/PA) e Mariana Petersen.

Na Câmara dos Deputados, o governo Bolsonaro tem conseguido aprovar seus projetos com mais facilidade e ainda conta com uma maioria significativa. No caso da Reforma Administrativa, no entanto, o governo enfrenta uma resistência maior de parlamentares, mesmo os de sua base, por conta da impopularidade da proposta. Se aprovada, a PEC vai atingir de forma nefasta quase 12 milhões de servidores e suas famílias, além de prejudicar toda a população que ficará sem serviços de saúde e educação gratuitos e de qualidade. Mesmo assim, para o Senador, é preciso que se aumente a pressão contra a Reforma Administrativa e evitar o fim do serviço público no Brasil.

A exemplo do que já vem fazendo com relação à privatização dos Correios e, também, da Eletrobrás, Paulo Rocha disse que irá transformar a liderança do PT no Senado no “QG de luta das centrais sindicais e sindicatos”.  

Últimas Notícias