SINDICATO DOS SERVIDORES DAS JUSTIÇAS FEDERAIS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
REDES SOCIAIS
YouTube

Servidores do Judiciário do Rio vão unidos para ampliada da Fenajufe

Max Leone e Tais Faccioli*

A unidade marcará a participação do Rio na reunião Ampliada da Fenajufe no próximo dia 30, em Brasília. Em assembleia que ocorreu nesta quarta-feira (12/11), em frente à Justiça Federal Rio Branco, a categoria elegeu a bancada que representará o funcionalismo do estado no encontro da federação. Os 11 delegados à ampliada foram escolhidos em chapa única. A Ampliada discutirá os desdobramentos da campanha salarial de 2014, a intensificação da mobilização pela aprovação do PL 7.920/2014 e as estratégias de luta para 2015. Também estão em pauta o Projeto de Lei da Gratificação Eleitoral (Grael) e os encaminhamentos do II Seminário Nacional da Fenajufe sobre saúde e PJe.

Os delegados da bancada do Rio foram eleitos por unanimidade: 51 votos a favor, nenhum contra e apenas uma abstenção. “O PL 7.920 está na Comissão de Finanças e Tributação (CFT) da Câmara dos Deputados e a categoria precisa continuar a mobilização para que o projeto avance”, convocou Roberto Ponciano, representante de base do Sisejufe e coordenador da Fenajufe.

O líder sindical informou que o PL 7.920 é uma cópia fiel do antigo PL 6.613, mas com previsão de parcelamento do reajuste. E lembrou que o Sisejufe foi a entidade responsável pelos estudos de viabilidade do projeto de aumento salarial que está em tramitação no Congresso.

“Não é o melhor projeto, mas é o projeto da realidade. Foi pensado para cobrir minimamente nossas perdas salariais”, ressaltou Ponciano.

Na assembleia, os servidores também votaram moções de repúdio ao juiz João Carlos de Souza Correa e de apoio à agente de trânsito do Detran-RJ Luciana Silva Tamburini, que foi condenada a indenizar o magistrado em R$ 5 mil, por danos morais. Em fevereiro de 2011, Luciana trabalhava na Operação Lei Seca no Leblon, Zona Sul do Rio, quando o juiz foi abordado em uma blitz. Como o carro dele estava sem placa e ele sem seus documentos, ela informou que o veículo seria rebocado. A Justiça Fluminense entendeu que a servidora agiu com abuso de poder ao dizer que ‘juiz não é Deus.’

A categoria também aprovou moção de repúdio à atitude da Anajus, que colocou em risco a aprovação do PL 7.920 na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP) da Câmara, na quinta-feira passada (6/11).

 

*Da Redação

 

 Confira a lista de delegados escolhidos para reunião ampliada da Fenajufe:

Alexandre Graciano dos Santos

Amadenison Vieira Ramos

Amaro das Grassas Faustino

Carlos Eduardo Lemos Nani

Célia Mara Lima Latini

Edson Mouta Vasconcelos

Fernanda Estevão Picorelli

Ricardo de Azevedo Soares

Ronaldo Almeida das Virgens

Soraia Garcia Marca

 

 

Suplentes:

Gerson Ribeiro da Silva

Ildaci Gomes Fernandes

Marilene de Fátima dos Santos

Ricardo Soares Valverde

João Souza da Cunha

Compartilhe